Fazer o BEM!

O verdadeiro homem de bem é aquele que pratica a lei de justiça, de amor e caridade, na sua maior pureza. Se interroga a sua consciência sobre os próprios atos, pergunta se não violou essa lei, se não cometeu o mal, se fez todo o bem que podia, se não deixou escapar voluntariamente uma ocasião de ser útil, se ninguém tem do que se queixar dele, enfim, se fez aos outros aquilo que queria que os outros fizessem por ele.

Tem fé em Deus, na sua bondade, na sua justiça e na sua sabedoria; sabe que nada acontece sem a sua permissão, e submete-se em todas as coisas à sua vontade.

[…]O homem possuído pelo sentimento de caridade e de amor ao próximo faz o bem pelo bem, sem esperar recompensa, paga o mal com o bem, toma a defesa do fraco contra o forte e sacrifica sempre o seu interesse à justiça.

Encontra usa satisfação nos benefícios que distribui, nos serviços que presta, nas venturas que promove, nas lágrimas que faz secar, nas consolações que leva aos aflitos. Seu primeiro impulso é o de pensar nos outros., antes que em si mesmo, de tratar dos interesses dos outros, antes que dos seus. O egoísta, ao contrário, calcula os proveitos e as perdas de cada ação generosa…

KARDEC, Allan. O evangelho segundo o espiritismo. Cap. 17, item 3.

Fazer o bem é simples, nós é que complicamos. O poder de um simples sorriso clareia o dia de quem o recebe; o aconchego de um abraço abriga, aquece; uma mão estendida a erguer  aquele que está caído; um elogio sincero incentiva e dá novo vigor; um bom dia, uma boa tarde, um boa noite, um obrigado, transforma o momento de uma pessoa, faz alguém se sentir lembrado, considerado. São atitudes simples mas de incalculáveis benefícios tanto para quem os recebe, mas também aquele que pratica. Devemos semear o bem, divulgá-lo, multiplicá-lo, exemplificá-lo. O bem deve fazer parte de nossas vidas, os nossos pensamentos devem ser norteados pelo bem, pelo amor a humanidade. Se o pensamento é fonte de criação, mudemos, então, as nossas atitudes através de reforma íntima.

http://espiritismovidaeluz.blogspot.com/p/e-bom-fazer-o-bem.html

Veja como uma boa ação pode ser contagiosa.

Sugestão:

Filme: A corrente do bem
Warner Bros, EUA, ano 2000 com: Kevin Spacey, Helen Hunt e Haley Joel Osment

Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *